fbpx

Contar com uma internet de alta capacidade em ambientes corporativos é algo imprescindível até mesmo para pequenas empresas.

Nestes locais, existe uma demanda muito grande por uma rede que conceda acesso com segurança e boa qualidade a grande quantidade de computadores e dispositivos que ficarão interligados entre si.

A conexão sem fio ganhou cada vez mais espaço e adesão por se apresentar como uma alternativa flexível e de baixo custo para suportar todas as conexões de maneira adequada. 

A praticidade oferecida por sistemas sem fios viabiliza a produtividade e proporciona um melhor desempenho dentro das corporações, além de libertar gestores e funcionários da dependência de cabos e facilitar a mobilidade no ambiente de trabalho.

Podemos afirmar, portanto, que o Wi-Fi empresarial é uma necessidade básica dentro das empresas e um aliado que facilita a execução das tarefas diárias e traz comodidade para toda a equipe.

Mas, para que a infraestrutura desse serviço funcione com qualidade, eficiência e sem oferecer riscos à segurança da rede, o Wi-Fi as a service (ou Wi-Fi como serviço) é uma solução cada vez mais recomendada.

As empresas que contam com esse diferencial possuem uma rede de qualidade, bem gerenciada e que atende a todas as necessidades do coletivo.

Já os Provedores de Internet, responsáveis por disponibilizar este benefício, ganham uma oportunidade de aumentar suas receitas e agregar valor aos serviços que oferecem.

Conheça agora um pouco mais sobre Wi-Fi como serviço, suas vantagens e como empresas e Provedores podem se beneficiar desta tecnologia.

O que é Wi-Fi as a Service?

Em livre tradução, Wi-Fi as a Service significa Wi-Fi como serviço, ou seja, é o fornecimento de conexão sem fio como um serviço prestado por empresas especializadas, que neste caso são os Provedores de Internet (ISPs).

Muitas empresas enfrentam problemas para montar e monitorar sua infraestrutura de rede Wi-Fi e aproveitar todos os benefícios já mencionados que a tecnologia oferece.

Por não se tratar de uma tarefa simples é necessária uma equipe qualificada, trabalhando continuamente e que esteja sempre disponível para atender qualquer tipo de incidentes que possam vir a acontecer aos inúmeros equipamentos instalados.

E é aqui que o seu fornecedor de internet entra.

Ao venderem o serviço de Wi-Fi, os Provedores podem cobrar por uma assinatura mensal em troca de assumir e controlar toda a gestão da rede de uma empresa.

Esse novo modelo é, portanto, uma grande oportunidade de negócios para os ISPs que podem agregar um serviço de alta demanda ao pacote de internet e aumentar seus ganhos, ao mesmo tempo que gerenciam e entregam uma rede Wi-Fi com qualidade e bom desempenho.

As empresas contratantes, por sua vez, adotam uma infraestrutura de rede rápida e segura, com custos reduzidos e comandada pelo parceiro provedor da sua confiança.

‘‘A partir disso, a empresa cliente contará com atendimento e suporte sempre que precisar. Ou seja, a rede será responsabilidade da companhia parceira, assim como a segurança e as manutenções, como em um serviço de outsourcing (terceirizado) de TI. Tudo isso por uma taxa mensal de assinatura, que varia de acordo com o uso, como já mencionado.’’ (IPsense).

Com isso, gestores e funcionários concentram seus esforços em atividades estratégicas e essenciais do negócio, enquanto que a implantação, o gerenciamento e a manutenção da rede ficam a cargo de uma equipe 100% dedicada a este fim.

As vantagens de ter Wi-Fi Marketing como serviço

Todas as atividades desenvolvidas em uma empresa são melhores desempenhadas se gestores e funcionários contarem com uma rede sem fio de alta performance.

Mas, além de oferecer mobilidade e conforto para o público interno, a rede Wi-Fi é uma poderosa ferramenta de marketing e de vendas para fidelizar e encantar clientes.

O acesso à internet que você oferece pra quem visita seu estabelecimento é uma excelente oportunidade de coletar informações sobre seu público, analisá-las e direcionar as melhores campanhas com base nos perfis e padrões de comportamento identificados.

Em outras palavras, é fazer marketing pelo Wi-Fi, o que deu origem ao conceito de Wi-Fi Marketing.

Tudo começa com a instalação de um serviço chamado hotspot que pode ser adquirido diretamente com seu Provedor ou com empresas especializadas no gerenciamento de redes Wi-Fi, como a Easy Auth.

A função de um hotspot é liberar acesso à internet mediante o preenchimento de um rápido cadastro pelos visitantes.

Com isso, todos os acessos são controlados e devidamente identificados, bem como exige o Marco Civil da Internet.

Já as informações fornecidas pelo seu público, no momento da conexão na sua rede, dão condições para você traçar o perfil do seu cliente ideal e com isso planejar e executar as ações de marketing e divulgação com mais certeza.

Vale lembrar que os dados que você solicita são escolhidos por você, o que significa que as respostas obtidas serão aquelas que são mais importantes para o seu negócio.

Para você decidir quais informações solicitar e fomentar um bom banco de dados recomendamos a leitura das dicas que estão reunidas neste texto.

Entre o momento que os clientes se conectam até dias depois deles terem aparecido na sua empresa você segue se relacionando e encaminhando novidades e promoções para eles com o intuito de reforçar a presença da sua marca e fazê-los retornar, tornando-se frequentadores fiéis.

Isso é possível com:

  • A exibição de banners no momento que eles estão se conectando a sua rede Wi-Fi;
  • Apresentando propagandas que estimulam a interação, fazendo com que os usuários reajam a um determinado anúncio;
  • Enviando de campanhas programadas para os clientes que estiveram no seu estabelecimento, mandando junto um cupom de desconto ou incentivando-o a levar um acompanhante na próxima visita.
  • A criação de públicos e anúncios segmentados nas redes sociais e tendo como parâmetro todos os clientes que se conectaram no seu Wi-Fi.

As vantagens de ter Wi-Fi Marketing como serviço não param por aí… Podemos citar ainda:

Redução de custos

A conexão sem fio, por si só, já é um serviço que envolve menores custos para implantação quando comparada a infraestruturas cabeadas e mais complexas.

No caso do Wi-Fi como serviço, equipamentos e mão de obra ficam por conta da organização que provê a solução, que também é quem providencia os equipamentos, bem como as devidas substituições em caso de falhas e contínuas manutenções da rede.

O contrato mensal engloba ainda o suporte e mais toda a solução de ponta a ponta, desde o planejamento da infraestrutura, a instalação, o monitoramento e a entrega de relatórios.

Flexibilidade

O seu Provedor de Internet ficará encarregado de planejar e construir a solução wireless que melhor se adapta às necessidades do negócio, de forma estável e confiável, levando em consideração os seus objetivos e também o orçamento disponível para a implantação.

Segurança

Conforme a tecnologia avança é necessário redobrarmos os cuidados com a segurança das nossas redes. 

Todos os pontos de acessos à internet da sua empresa podem estar vulneráveis a ataques e se tornarem uma ameaça a você e seus funcionários, principalmente pela possibilidade de muitos dispositivos que acessarem sua rede não serem de sua propriedade.

Com o serviço do qual estamos falando, porém, são criadas camadas extras para proteção dos seus dados e das transmissões internas da sua organização. Você ainda controla e tem conhecimento de todos os dispositivos conectados, tornando-se bem mais fácil fiscalizar as atividades na rede dessa maneira.

As vantagens de oferecer Wi-Fi Marketing como serviço

Já para os fornecedores de internet, muitas fontes tratam o Wi-Fi as a Service como um modelo de negócios por agregar valor ao serviço que eles habitualmente entregam, que seriam os pacotes de internet.

Em debate sobre a importância do Serviço de Valor Agregado (SVA) para ISPs, promovido pela empresa Everest Ridge, os convidados afirmaram que os Provedores precisam lançar mão de novos produtos que aumentem suas receitas e que Serviços de Valor Agregado, como o Wi-Fi, precisam estar em seus portfólios de produtos.

O SVA tem o poder de, não apenas gerar valor e aumentar receita, como de garantir a fidelização do cliente e ajudá-lo a se beneficiar mais da sua conectividade, como afirmou Daniel Cardoso, diretor da Vogel, no mesmo debate.

Para os próximos anos, a tendência é que os Provedores de Internet se transformem em empresas de tecnologia, com foco maior em serviços de valor adicionados (SVA) para sobreviverem e o Wi-Fi como serviço é um ótimo exemplo de como rentabilizar um serviço de qualidade e se diferenciar da concorrência.

Uma maneira muito prática de fazer isso é através da expansão da rede e disponibilização de vários pontos Wi-Fi para seus clientes se conectarem fora de suas residências com os dados que eles já possuem cadastrados.

Enquanto que para eles o acesso será ilimitado e sem custos, você pode definir tempo e velocidade de acesso para quem ainda não é seu cliente.

Esse também é o momento ideal para converter novos assinantes, mostrando anúncios promocionais e oferecendo instalação gratuita, por exemplo, e também garantindo uma experiência de Wi-Fi inesquecível.

Quando seus não clientes se conectarem no Wi-Fi e perceberem que a internet na rua é melhor que a internet que ele tem em casa você tem um argumento muito grande pra converter esse lead em um cliente.

Nós, da Easy Auth, temos as soluções ideais voltadas tanto para empresas que querem fidelizar seus clientes e aumentar suas vendas como para Provedores que estão em busca de formas diferenciadas de entregar ainda mais valor nos serviços que entregam.

Entre em contato conosco para saber mais.

Categorias: HotspotVendas

0 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *